E o glúten?

Hey Sweety!!

Grande polemica e assunto em alta em qualquer dieta, o glúten é o novo vilão. Mas ele é mesmo vilão? O que é glúten? O post de hoje é pra acabar de vez com qualquer dúvida sobre ele!

O que é glúten: é uma proteína que confere característica elástica aos alimentos. Encontrado em cereais como o trigo, o centeio e a cevada. Nas massas que contém esses ingredientes, confere elasticidade e auxilia no crescimento, já que forma pequenas estruturas na massa, que armazenam o gás que é formado durante o processo de fermentação, por isso o pão fica fofinho, com aqueles pequenos furinhos, cresce e se mantém assim mesmo depois de sair do forno.

Glúten engorda: alimentos que contém glúten, normalmente são ricos em carboidratos e muitos acompanhamentos desses alimentos são ricos em gorduras (como pizzas, macarrão com molho e queijo, pães recheados). Por essa razão os alimentos que contém glúten engordam sim, se consumidos em excesso. Mas o glúten também está presente em alimentos como o pão integral, que é uma boa fonte de fibras, vitaminas e minerais, e deve estar presente na nossa alimentação.

Se o glúten não engorda, por que emagreci quando cortei da minha alimentação: O glúten é uma proteína complexa e de digestão difícil, o que pode ocorrer é distensão abdominal durante a digestão de excesso de glúten, já que o intestino vai precisar trabalhar mais. Mas se houve substituição do glúten por outra fonte de carboidrato de mais fácil digestão e que seus acompanhamentos não sejam calóricos ou ricos em gordura, ai sim justifica a perda de peso e diminuição do abdome.

Quem deve excluir o glúten da alimentação: indivíduos com doença celíaca que é uma doença autoimune onde o individuo tem dificuldade em digerir o glúten, podendo levar a inflamação intestinal devido à liberação de algumas substâncias pelo próprio organismo após a ingestão do glúten. Esse tipo de doença não acontece com tanta frequência e o diagnóstico sempre deve ser feito pelo médico e a dieta acompanhada por nutricionista, para realizar as adequações necessárias e garantir oferta de todos os nutrientes necessários.

Uma alimentação saudável e equilibrada pode sim conter glúten, porém em pequenas quantidades e distribuído ao longo do dia, o que não trará nenhum prejuízo ao processo de emagrecimento. A restrição do glúten pode ser usada em dietas específicas, individuais e sempre acompanhada por nutricionista, que indicará os melhores substitutos e por quanto tempo fazer a restrição.

Em resumo, o glúten não é tão vilão assim, para ser excluído por qualquer pessoa, sem orientação adequada. Para manter hábitos saudáveis e perder peso com qualidade e saúde, é importante procurar por nutricionista, para que sua dieta seja pensada especialmente para você e para as suas necessidades.

Um beijo, e até amanhã!

Deixe uma resposta